quarta-feira, 6 de abril de 2011

Lutando contra as forças das trevas - Desmascarando o inimigo (parte 1)

Quando imaginamos uma batalha, logo pensamos em adversários, armas, soldados, campos de batalha e estratégias. Como podemos combater e vencer o inimigo se não o conhecemos? Impossível! Antes de partir para a luta, é preciso analisar o oponente, tomar conhecimento dos seus pontos fortes e os fracos, verificar quais serão as armas por ele usadas, quem são seus aliados, onde tentará travar as batalhas e descobrir seus planos de ataque. É possível perceber isto nos filmes de guerra e de ação.
  Ao assistirmos filmes como esses, damo-nos conta de que, no mundo espiritual, ocorre algo semelhante e que devemos conhecer as características do inimigo de nossa alma, o diabo, suas estratégias de ataque, os seus pontos fortes e os fracos, como, onde e quando ele costuma atacar.
  O inimigo é sagaz, inteligente, audacioso e voraz. Contudo, tem certo padrão de comportamento; é repetitivo em suas estratégias e ações; o que nos permite vigiar e orar a Deus, para que, revestidos do poder de Cristo, escapemos das astutas ciladas do diabo.
  Procure conhecer como Satanás age e como o tenta, porque ele pode estar destruindo sua família, você, sua empresa, seus negócios sem ser percebido. Conhecendo as estratégias e as artimanhas dele, você passará a combatê-lo, vencendo-o por meio do nome poderoso de Jesus.
  Vejmos, pois, quem é Satanás.

TÓPICO 1 - QUEM É SATANÁS?

  Satanás, adversário ou diabo é assim conhecido porque, em virtude de suas disposições hostis, promove todo o tipo de impiedade, opondo-se a Deus e aos homens. É um astuto estrategista que veio matar, roubar e destruir - " O ladrão vem apenas para roubar, matar e destruir..." João 10.10
  Antes de tornar-se Satanás, o adversário era Lucifér [portador de luz], um anjo perfeito e bom; o feridor da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura - "Você era o modelo da perfeição, cheio de sabedoria e de perfeita beleza." Ezequiel 28.12; o querubim ungido para proteger, estabelecido no monte santo de Deus, no meio das pedras afogueadas.
  Lucifér era perfeito nos [seus] caminhos, desde o dia em que [foi] criado, até que se achou iniquidade nele - " Você foi ungido como um querubim guardião, pois pra isso eu o designei. Você estava no monte santo de Deus e caminhava entre as pedras fulgurantes. Você era inculpável em seus caminhos desde o dia em que foi criado até que se achou maldade em você." Ezequiel 28.14-15 Ao rebelar-se contra Deus, foi expulso do céu. Na queda, arrastou consigo um terço dos anjos. Tudo isto aconteceu antes que o homem existisse - " Sua soberba foi lançada na sepultura, junto com o som das suas liras; sua cama é de larvas, sua coberta, de vermes. Como você caiu dos céus, ó estrela da manhã, filho da alvorada! Como foi atirado à terra, você, que derrubava as nações! Você, que dizia no seu coração: 'Subirei aos céus; erguerei o meu trono acima das estrelas de Deus; eu me assentarei no monte da assembléia, no ponto mais elevado do monte santo. Subirei mais alto que as mais altas nuvens; serei como o Altíssimo.' Mas às profundezas do Sheol você será levado, irá ao fundo do abismo." Isaías 14.11-15
 "Ele respondeu: Eu vi Satanás cair do céu como um relâmpago..." Lucas 10.18
 " E, quanto aos anjos que não conservaram suas posições de autoridade mas abandonaram sua própria morada, ele os tem guardado em trevas, presos com correntes eternas para o juízo do grande Dia" Judas 1.6
  Sendo assim, Satanás não é apenas um princípio ou uma força do mal ou do caos que atua no universo com a permissão e o propósito de Deus, como pensam alguns; ele é um ser espiritual - "Estejam alertas e vigiem. O Diabo, o inimigo de vocês, anda ao redor como leão, rugindo e procurando a quem possa devorar." 1 Pedro 5.8
  " Vi uma besta que saía do mar. Tinha dez chifres e sete cabeças, com dez coroas, uma sobre cada chifre, e em cada cabeça um nome de blasfêmia. A besta que vi era semelhante a um leopardo, mas tinha pés como os de urso e boca como a de leão. O dragão deu a besta o seu poder, o seu trono e grande autoridade. Uma das cabeças da besta parecia ter sofrido um ferimento mortal, mas o ferimento mortal foi curado. Todo mundo ficou maravilhado e seguiu a besta." Apocalipse 13.1-3
  Por isso, não dorme, não se alimenta nem se cansa. Ele odeia tudo quanto Deus criou e trabalha 24 horas para destruir e levar a cabo seus malignos intentos.
                           Fonte: Livro - Como vencer as estratégias de satanás (Silas Malafaia)

   Por enquanto, vou postar apenas esse primeiro tópico, para que possamos entender a fundo tudo o que Deus deseja que saibamos a respeito da guerra em que estamos. No próximo post estarei falando sobre, o caráter maligno do diabo. Convido-o a continuar acompanhando esse estudo sobre batalha espiritual.
  Esteja em constante oração, para que satanás não obtenha espaço em sua vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário